Uma pesquisa realizada em abril de 2016 pela Nielsen/IBOPE mostrou que 7 em cada 10 pessoas disseram que preferem assistir a conteúdos em vídeo sob demanda (como os da Netflix) do que por tv aberta/fechada, além do que os brasileiros passam em média 5 horas de olho no que acontece na internet ao invés de revistas ou jornais.  

Com essa informação, é possível perceber que o outbound marketing (marketing tradicional) já não tem mais tanta força nos dias atuais em comparação a alguns anos atrás, mas também não quer dizer que ele está completamente extinto.  

O fato é que o marketing mudou muito nos últimos dez anos, e ultimamente é percebido que os consumidores já não toleram mais as interrupções e preferem por conta própria procurar por algo que os atraia. É aí que entra o inbound marketing (ou marketing de atração), que consiste em criar conteúdos relevantes e de interessse para determinado público-alvo, a fim de atraí-los de forma espontânea, sem forçar um contato invasivo. As empresas que fazem uso do inbound marketing atualmente com certeza atraem mais público, além do que possuem uma maior probabilidade de fechar negócios e conquistar mais fãs.  

Como visto, a maioria das pessoas hoje em dia busca conteúdo na internet, então o inbound marketing é a maneira mais assertiva de fazer negócios no mundo online. Sendo assim, no inbound há mais abertura pra um relacionamento mais próximo e duradouro com os seus clientes, por isso você pode esperar:  

  • Uma comunicação mais aberta, onde sua marca e os seus clientes vão se engajar e a interação será aberta e constante.  
  • Continuidade, pois ao invés de interromper o seu público-alvo, você irá atraí-lo com mensagens e conteúdos convenientes para ele.  
  • Aumento no engajamento a partir de um relacionamento de confiança criado pela geração de valor sem interrupções.  

A ideia de interromper pessoas, tendo de parar o seu fluxo natural, estejam elas navegando pela internet, ouvindo um programa de rádio ou assistindo tv é o que fez com que muitas empresas percebessem que na verdade ao invés de estarem ajudando, elas as estavam atrapalhando. E ao contrário do que se pensa, o outbound marketing pode ser feito também na internet e não somente nas mídias offline.  

ENTÃO, QUAIS OS BENEFÍCIOS DO USO DO INBOUND MARKETING?  

  • Contemplação do público-alvo 

Fazendo o uso do inbound marketing no seu negócio, a sua empresa terá maiores chances de contemplar o seu público-alvo, uma vez que quem vai até a sua empresa é o próprio cliente por espontânea vontade. Além do que, investir no inbound é mais barato, uma vez que os investimentos no outbound costumam ser mais caros e menos controlados.  

  • CAC adequado 

CAC significa “custo de aquisição de clientes”, e no inbound esse custo será mais reduzido e adequado às necessidades da sua empresa.  

  • Credibilidade e visibilidade 

Com a geração de conteúdo relevante e de qualidade, a sua empresa ganhará mais visibilidade e credibilidade no ambiente online com o uso do inbound marketing. Sendo assim, além de gerar mais leads e atrair mais clientes, a empresa poderá se tornar uma referência no segmento da web.  

Como vimos, fazer o uso do inbound marketing pode ser de grande importância para a sua empresa por conta dos inúmeros benefícios que ele agrega. E você, já adotou a prática do inbound marketing? Se sim, ótimo, você está no caminho certo. Se não, não perca mais tempo e comece o seu planejamento de estratégias de inbound marketing para começar a pôr em prática, pois muito em breve essa forma de marketing não será mais um simples diferencial, e sim uma forma de sobrevivência. Até a próxima! 😉  

 

Artigo escrito por Nicholas Sanguinetti  

Analista de Mídias Sociais da Agilitá Consultoria  

 

REFERÊNCIAS:  

https://rockcontent.com/guia/inbound-marketing/ 

https://marketingdeconteudo.com/o-que-e-inbound-marketing/ 

https://viverdeblog.com/o-que-e-inbound-marketing/ 

https://digitalland.com.br/blog/5-beneficios-do-inbound-marketing-para-sua-empresa  

https://www.youtube.com/watch?v=_8yE80oGwy8  

Pin It

Deixe um Comentário